ENCONTRE JÓIAS ESPIRITUAIS -DESTAQUES DE PROVÉRBIOS 22-26 DA SEMANA DE 31 DE OUTUBRO A 6 DE NOVEMBRO 2016

imagem

ENCONTRE JÓIAS ESPIRITUAIS DESTAQUES DE PROVÉRBIOS 22-26

DA SEMANA DE 31 DE OUTUBRO A 6 DE NOVEMBRO 2016

Prov. 24:16 — Como esse texto nos incentiva a continuar na corrida pela vida? (w1315/3 págs. 4-5 pars. 5-8)

Jeová não permitirá que os que confiam nele tropecem ou sofram uma queda — seja por uma adversidade ou algum obstáculo à sua adoração — da qual não possam se recuperar. Temos a garantia de que Jeová nos ajudará a nos “levantar” para podermos dar a ele a nossa máxima devoção. Os maus não têm o mesmo desejo de se levantar. Eles não buscam a ajuda do espírito santo de Deus, nem a do povo de Deus, ou a recusam quando lhes é oferecida. Em contraste, para os ‘que amam a lei de Jeová’ não existe pedra de tropeço que os tire para sempre da corrida pela vida.

 

Alguns, por causa de alguma fraqueza, caem — até mesmo repetidas vezes — em pecados menores. Mas ainda são justos aos olhos de Jeová caso continuem a se “levantar”, isto é, a se arrepender sinceramente e a se empenhar em retomar a rotina de serviço leal.

Vemos isso no modo como Deus lidou com o Israel antigo. O texto já citado de Provérbios 24:16, em vez de enfatizar o lado negativo, as quedas, focaliza o lado positivo — se “levantar” com a ajuda de nosso misericordioso Deus. 

 

Mesmo que numa maratona um corredor tropece ou caia, ele talvez tenha tempo para se recuperar e terminar a corrida se agir sem demora. Na nossa corrida pela vida eterna, não sabemos ‘o dia e a hora’ em que a corrida terminará. Sendo assim, quanto menos tropeçarmos, maior a probabilidade de mantermos um ritmo constante, continuarmos na corrida e terminá-la com êxito.

Prov. 24:27 — Que lição esse provérbio nos ensina? (w09 15/10 pág. 12 par. 1)

Aconselhando um jovem, o escritor de Provérbios disse: ‘Prepare o seu trabalho lá fora e deixe tudo pronto no campo; Depois construa a sua casa.’ O que significa esse provérbio inspirado? Que um homem deve se preparar adequadamente antes de se casar e constituir família, reconhecendo as responsabilidades que acompanham esse compromisso.

O que a leitura da semana me ensinou sobre Jeová?

USE UNS DOS ARGUMENTOS ABAIXO

A companhia de alguém dado a acessos de ira pode fazer com que a pessoa se torne igual a ele. Trata-se dum laço, pois leva a envolver-se em altercações, em complicações prejudiciais e em pecado.PROVÉRBIOS 22:24,25 diz: Não ande com quem se irrita facilmente, Nem se envolva com quem é propenso à ira, Para que você nunca aprenda seus caminhos E arme um laço para si mesmo.

*******************************************************************

PROVÉRBIOS 24:9 declara que “Tramas tolas são pecado”, e os termos hebraicos que transmitem a idéia de tolice freqüentemente são empregados em relação com o pecar, reconhecendo o pecador, às vezes, de forma penitente: “Agi nesciamente.” Quando não é disciplinado por Deus, o pecador ficaenvolvido em seus erros e tolamente se perde.

Que pontos da leitura posso usar no serviço de campo?

USE UNS DOS DESTAQUES ABAIXO

PROVÉRBIOS 22:6 diz: “Eduque a criança no caminho em que ela deve andar.” O texto continua com as seguintes palavras animadoras: “Mesmo quando ela envelhecer, não se desviará dele.” Será que esse provérbio inspirado garante que vai dar tudo certo? Não necessariamente. Seu filho tem livre-arbítrio e fará suas próprias escolhas quando crescer. Mas esse versículo dá aos pais uma amorosa garantia. Se instruírem seus filhos de acordo com os conselhos da Bíblia, vocês estarão criando as circunstâncias mais favoráveis possíveis para conseguir um resultado maravilhoso — vê-los crescer para se tornar adultos felizes, realizados e responsáveis.

*******************************************************************

Embora possam ser amorosas e bondosas, as crianças também têm a tendência de cometer tolices. Por isso, elas precisam de disciplina. Reconhecer isso vai ajudar os pais a cumprir com sua responsabilidade. Porque PROVÉRBIOS 13:24 diz:Quem refreia a vara odeia seu filho, Mas aquele que o ama não deixa de discipliná-lo.

*******************************************************************

De acordo com PROVÉRBIOS 22:15A “tolice” no coração do jovem pode facilmente desviá-lo do bom caminho. Algo que pode ajudar a contra-atacar isso é a disciplina baseada na Bíblia. Muitos jovens cristãos cujos pais não são Testemunhas de Jeová procuram encontrar e aplicar princípios delineados na Bíblia. Outros se beneficiam dos sábios conselhos de pessoas espiritualmente maduras na congregação. Seja quem for que dê os conselhos baseados na Bíblia, aceitá-los pode levar à felicidade agora e no futuro.

*******************************************************************

PROVÉRBIOS 23:4 diz: “Não se esgote para obter riquezas.” De acordo com o livro (A Epidemia do Narcisismo), preocupar-se em ficar rico “aumenta a probabilidade de transtornos mentais, além de problemas físicos como dores de garganta, de cabeça e nas costas. Também pode levar ao alcoolismo e ao uso de drogas. Parece que empenhar-se por sucesso financeiro deixa as pessoas infelizes”. Temos que tomar cuidados para não cairmos nesse laço.

*******************************************************************

PROVÉRBIOS 23:4,5 diz: “Não se esgote para obter riquezas. Pare e mostre entendimento. Assim que você põe os olhos nelas, elas desaparecem, Pois certamente criam asas como uma águia e saem voando para o céu.” Em outras palavras, não é sábio que nos esgotemos na tentativa de ficar ricos, porque a riqueza pode sair voando como que com asas de águia.

*******************************************************************

“Aplique seu coração à disciplina E seu ouvido às declarações de conhecimento”, diz PROVÉRBIOS 23:12. Nesse versículo, “disciplina”, ou treinamento moral, inclui tanto a autodisciplina como as repreensões que recebemos de outros. Tal disciplina exige saber qual correção é necessária e como administrá-la. Assim, as “declarações de conhecimento” de uma fonte confiável são essenciais para a disciplina.

*******************************************************************

O valor que você dá à vida afeta seu relacionamento com outros. Por exemplo, a Palavra de Deus ordena em PROVÉRBIOS 23:22 “Escuta teu pai que causou o teu nascimento e não desprezes a tua mãe só porque ela envelheceu.” Escutar’ significa mais do que apenas ouvir palavras; esse provérbio significa ouvir e depois obedecer.

*******************************************************************

Os familiares precisam demonstrar sabedoria e discernimento, porque estas qualidades edificam a família.PROVÉRBIOS 24:3, 4, diz: “Pela sabedoria se edifica uma casa, E pelo discernimento ela é firmada. Pelo conhecimento seus aposentos ficam cheios de todo tipo de tesouros preciosos e agradáveis.”A sabedoria e o discernimento são como blocos de construção para uma vida familiar bem-sucedida. O discernimento ajuda os pais cristãos a fazer com que os filhos expressem seus sentimentos e suas preocupações. Quem tem discernimento consegue comunicar-se, escutar e entender os sentimentos e os pensamentos do seu cônjuge.

*******************************************************************

“Pelo conhecimento seus aposentos ficam cheios de todo tipo de tesouros preciosos e agradáveis”, diz a Bíblia em PROVÉRBIOS 24:4. Estas preciosas coisas de valor não são meros tesouros materiais, mas incluem amor verdadeiro, temor piedoso e forte fé. Essas qualidades enriquecem a vida em família. Para obtê-las, porém, temos de introduzir o conhecimento de Deus na nossa casa.

*******************************************************************

É consolador saber que Jeová valoriza os nossos esforços quando procuramos agradá-lo! Isso nos deve motivar a continuar a esforçar-nos a ter mais autodomínio. Não importa quantas vezes nós tropecemos, nunca devemos desistir de fazer esforço nesse sentido. “mesmo que o justo caia sete vezes, ele se levantará de novo diz:” PROVÉRBIOS24:16 Todas as vezes que obtemos uma vitória temos motivos para ficar contentes. Podemos também ter certeza de que Jeová se agrada de nós. Uma Testemunha disse que, antes de dedicar a sua vida a Jeová, sempre que conseguia ficar sem fumar uma semana, recompensava a si próprio por comprar algo útil com o dinheiro que tinha poupado por ter exercido autodomínio.

*******************************************************************

Nossas imperfeições podem pôr-nos em perigo de outro modo. Alguns dos que cometem um ato de deslealdade desistem de tentar agradar a Jeová. Lembre-se de que Davi cometeu pecados muito graves. No entanto, muito depois da morte de Davi, Jeová se lembrou dele como servo fiel. Porque ele nunca desistiu de procurar agradar a Jeová.PROVÉRBIOS 24:16 diz: “Pois, mesmo que o justo caia sete vezes, ele se levantará de novo.” Por certo, se nos envolvermos em pecados menores — até mesmo repetidas vezes — por causa de alguma fraqueza que combatemos, ainda podemos ser justos aos olhos de Jeová se continuarmos a nos “levantar” — quer dizer, se nos arrependermos sinceramente e retomarmos um proceder de serviço leal.

*******************************************************************

Famílias saudáveis “não levantam questões potencialmente explosivas. “Como maçãs de ouro em esculturas de prata é a palavra falada no tempo certo para ela.” Diz PROVÉRBIOS25:11 Essa analogia talvez se refira a ornamentos de ouro, em forma de maçãs, colocados em bandejas de prata esculpidas —pertences muito apreciados e belos, nos tempos bíblicos. Ela transmite a beleza e o valor de palavras ditas no momento certo. Sob circunstâncias estressantes, as palavras certas ditas na hora certa são inestimáveis.

*******************************************************************

PROVÉRBIOS 25:15 diz: “A própria língua suave pode quebrar um osso”, no sentido de que alguém duro como osso pode ser abrandado por uma resposta branda e afrouxar na sua dureza e oposição. Deveras, a língua pode curar em sentido espiritual quando fala as palavras de Deus. “De Jeová é a resposta da língua”, porque somente ele pode fornecer palavras espiritualmente corretas que resultam em cura.

*******************************************************************

Conselhos de Provérbios. Embora se deva ajudar o próximo e amá-lo, todavia, é preciso exercer cautela para não tentar tornar-se o companheiro mais íntimo do vizinho ou próximo — a fim de evitar abusar ou aproveitar-se dele. O provérbio expressa esta idéia nos seguintes termos em PROVÉRBIOS 25:17Ponha raramente o pé na casa do seu próximo, Para que ele não se canse de você e passe a odiá-lo.”

*******************************************************************

Lembre-se deste bom conselho encontrado em PROVÉRBIOS 25:17que diz: “Ponha raramente o pé na casa do seu próximo, Para que ele não se canse de você e passe a odiá-lo.” Frances, que se sentiu profundamente solitária quando seu marido faleceu depois de 35 anos de casados, acha que essa cautela é importante. “Seja razoável no que você espera dos outros”, diz ela, “e não exija demais. Não esteja sempre à porta de alguém à procura de ajuda”.

*******************************************************************

A pessoa de temperamento brando tem fé e uma fonte de força. Não se deixa facilmente desequilibrar ou perder o bom senso. A falta de temperamento brando resulta de insegurança, frustração, falta de fé e de esperança, e até mesmo de desespero. Aquele que é falto de temperamento brando é descrito emPROVÉRBIOS 25:28  “Como uma cidade arrombada, sem muralhas, É o homem que não consegue se controlar.” Está exposto e vulnerável à invasão de todo e qualquer pensamento impróprio, que pode motivá-lo a ações impróprias.

*******************************************************************

Responder ao tolo em harmonia com, ou “segundo a sua tolice”, no sentido de recorrer a seus métodos degradantes de argumentação, coloca a pessoa que assim o faz em harmonia com os arrazoamentos ou modos de agir desequilibrados do tolo. Para não nos tornarmos como o tolo neste respeito, PROVÉRBIOS26:4, 5 aconselha: “Não responda ao tolo de acordo com a tolice dele.” Por outro lado, mostra que pode ser proveitoso responder-lhe “segundo a sua tolice”, no sentido de analisar suas alegações, expondo-as como ridículas, e de mostrar que seus próprios argumentos conduzem a conclusões inteiramente diferentes das que ele mesmo tirou.

*******************************************************************

Pode acontecer de morrermos de fome num banquete! Mesmo cercados por alimentos, podemos terminar gravemente desnutridos se não nos mexermos para comer alguma coisa. PROVÉRBIOS 26:15faz uma descrição dessa situação: “O preguiçoso enfia a mão na tigela, Mas fica cansado demais para levá-la de volta à boca.” Que situação triste! Nós podemos igualmente ficar preguiçosos demais para nos empenhar em estudo pessoal da Palavra de Deus e de publicações bíblicas elaboradas para ajudar-nos a assimilar alimento espiritual. Ou podemos ficar cansados demais para preparar as reuniões da congregação cristã ou para participar nelas.

*******************************************************************

Nos dias do Rei Salomão, evidentemente eram comuns os métodos de esmaltar, poisPROVÉRBIOS 26:23 declara: “Como a prata que reveste um caco de barro, Assim são as palavras carinhosas vindas de um coração mau.” Como “revestimento de prata” que ocultaria a cerâmica que recobria, os “lábios fervorosos” ocultariam um “coração mau”, quando a amizade fosse só fingida.

 

 

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s