ENCONTRE JÓIAS ESPIRITUAIS – DESTAQUES DE ECLESIASTES 1-6 DA SEMANA DE 14 A 20 DE NOVEMBRO 2016

novembro-2016

ENCONTRE JÓIAS ESPIRITUAIS DESTAQUES DE ECLESIASTES 1-6

DA SEMANA DE 14 A 20 DE NOVEMBRO 2016

Ecl. 2:10, 11 — O que Salomão descobriu sobre as riquezas? (w08 15/4 pág. 22 pars. 9-10)

Salomão era um dos homens mais ricos da Terra quando escreveu Eclesiastes. Ele tinha os meios de adquirir o que quisesse. “Tudo o que os meus olhos pediram, eu não retive deles”, escreveu. No entanto, ele descobriu que os bens em si não trazem satisfação. “O mero amante da prata não se fartará de prata, nem o amante da opulência, da renda”, concluiu.

 

Muito tempo atrás, Salomão já havia chegado a conclusão. Ele escreveu: “Acumulei também para mim prata e ouro, bem como propriedade peculiar de reis  . . . E eis que tudo era vaidade e um esforço para alcançar o vento.” (Ecl. 2:8, 11) Em contraste com isso, se usarmos a nossa vida para servir a Jeová de todo o coração e conseqüentemente recebermos as Suas bênçãos, obteremos verdadeiras riquezas.  

Ecl. 3:16, 17 — Como devemos encarar as injustiças que acontecem no mundo? (w06 1/11 pág. 14 par. 8)

 Não é realístico esperar justiça em todos os casos. Em vez de ficarmos preocupados com o que está acontecendo no mundo hoje, devemos esperar que Jeová corrija as coisas.

O que a leitura da semana me ensinou sobre Jeová?

USE UNS DOS ARGUMENTOS ABAIXO

ECLESIASTES 6:9 diz: “Melhor é contentar-se com o que os olhos vêem do que sonhar com o que se deseja.” O que isso nos ensina? Uma pessoa sábia não permite que desejos ou sonhos controlem sua vida, principalmente os irrealistas ou os impossíveis de alcançar. Assim, ela não se deixa seduzir pela propaganda enganosa nem pelo crédito fácil. Em vez disso, ela aprende a se contentar com o que realmente está a seu alcance — “o que [seus] olhos vêem”.

********************************************************************

ECLESIASTES 1:15. É inútil gastar tempo e energia tentando corrigir a opressão e a injustiça que vemos hoje. Somente o Reino de Deus pode acabar com a maldade. — Daniel 2:44.

********************************************************************

ECLESIASTES 5:2. Nossas orações devem ser ponderadas e respeitosas, sem palavras em excesso.

********************************************************************

ECLESIASTES 4:13. Cargo e idade nem sempre resultam em respeito. Os que estão em posições de responsabilidade devem agir com sabedoria.

Que pontos da leitura posso usar no serviço de campo?

USE UNS DOS DESTAQUES ABAIXO

“A maior das vaidades!”, diz o congregante, que pergunta emECLESIASTES 1:2,3 “O que é que o homem ganha com todo o seu trabalho árduo, No qual tanto se esforça debaixo do sol?” As expressões “vaidade” e “debaixo do sol” aparecem várias vezes em Eclesiastes. A palavra hebraica para “vaidade” significa literalmente “fôlego” ou “névoa” e indica falta de substância, estabilidade ou valor permanente. A expressão “debaixo do sol” significa “nesta Terra” ou “neste mundo”. Assim, tudo — ou seja, todos os esforços humanos que desconsideram a vontade de Deus — é vaidade.

********************************************************************

ECLESIASTES 1:5 diz: “O sol nasce, e o sol se põe; Depois volta depressa para o lugar onde nasce novamente.”, Segundo o argumento da Igreja, expressões tais como “o sol se levanta” e “o sol se deita”, significavam que o Sol, não a Terra, se locomove. No entanto, mesmo hoje, dizemos que o Sol se levanta e se põe, e a maioria de nós sabe que é a Terra que orbita, não o Sol.Quando usamos expressões assim, apenas descrevemos o aparentemovimento do Sol, conforme parece ao observador humano. O escritor bíblico fez exatamente o mesmo.

********************************************************************

Uma maravilha da atmosfera é o ciclo da água. Todo ano, o sol faz mais de 400 mil quilômetros cúbicos de água evaporar dos oceanos e mares da Terra. Essas águas formam nuvens, que os ventos atmosféricos espalham por toda a parte. Depois, filtradas e purificadas, elas caem como chuva, neve ou gelo, reabastecendo os suprimentos de água. É exatamente como diz ECLESIASTES 1:7: “Todos os rios correm para o mar; mesmo assim, o mar não fica cheio. Os rios voltam para o lugar de onde saíram, a fim de correr novamente.” Somente Jeová poderia ter acionado tal ciclo.

********************************************************************

O filho de Davi, Salomão, também reconhecia o valor de pensar nas maravilhas da criação. Por exemplo, ele escreveu a respeito do papel desempenhado pelas nuvens de chuva em refrescar nossa Terra: “Todos os rios correm para o mar; mesmo assim, o mar não fica cheio. Os rios voltam para o lugar de onde saíram, a fim de correr novamente.” ECLESIASTES 1:7 De modo que, depois de as chuvas e os rios terem refrescado a Terra, suas águas são recicladas dos oceanos de volta para as nuvens. O que seria esta Terra sem esta purificação e reciclagem da água? Como Salomão deve ter-se sentido grato ao refletir nesses pensamentos! 

********************************************************************

ECLESIASTES 1:4-10 — Em que sentido os ciclos naturais são “fatigantes”? O congregante menciona apenas três das operações básicas que tornam possível a vida na Terra — o sol, o padrão dos ventos e o ciclo da água. Na realidade, os ciclos naturais são muitos e bem complexos. Uma pessoa pode passar a vida inteira estudando-os e, ainda assim, não os entender plenamente. Isso sem dúvida pode ser ‘fatigante’. É também desanimador comparar a curta duração da vida com a repetição contínua desses ciclos. Até mesmo as tentativas de descobrir coisas novas são fatigantes. Afinal, as novas invenções não são nada mais do que a aplicação dos princípios que o verdadeiro Deus estabeleceu e já usou na criação.

********************************************************************

ECLESIASTES 2:1, 2 — Por que se diz que o riso é “insânia”, ou seja, é loucura? O riso talvez nos ajude a esquecer momentaneamente os problemas, e a diversão pode nos levar a fazer pouco caso deles. No entanto, o riso não elimina nossas dificuldades. É por isso que se diz que buscar a felicidade por meio do riso é “insânia”.

********************************************************************

ECLESIASTES 3:11 — O que Deus fez “bonito no seu tempo”?Algumas das coisas que Jeová Deus fez ‘bonitas’, ou apropriadas e boas, no tempo certo são a criação de Adão e Eva, o pacto do arco-íris, o pacto com Abraão, o pacto davídico, a vinda do Messias e a entronização de Jesus Cristo como Rei do Reino de Deus. No entanto, há algo mais que Jeová fará “bonito” no futuro próximo. Podemos confiar que o novo mundo justo se tornará realidade no tempo certo. — 2 Pedro 3:13.

********************************************************************

ECLESIASTES 3:15b — Como o “verdadeiro Deus continua a procurar aquilo pelo qual há empenho”? “Aquilo pelo qual há empenho” pode se referir ao que Deus pretende fazer. Os ciclos repetitivos de nascimento e morte, guerra e paz podem fazer o homem sentir-se impotente e achar que a História continua se repetindo. No entanto, o verdadeiro Deus pode procurar e realizar tudo o que Ele quiser. (Eclesiastes 3:1-10, 15a) “Aquilo pelo qual há empenho” também pode aplicar-se aos justos, a quem os maus muitas vezes se empenham em perseguir. Nesse caso, Jeová continua procurando os justos para “mostrar a sua força” em favor deles. — 2 Crônicas 16:9.

********************************************************************

ECLESIASTES 5:9 — Como “o proveito da terra está entre eles todos”?Todos os habitantes da Terra dependem do “proveito da terra”, isto é, do que ela produz. Não há exceção no caso de um rei. Para receber a produção de seu campo, ele tem de ser servido pelo trabalho árduo de seus servos que cultivam a terra.

********************************************************************

ECLESIASTES 2:4-11. Atividades culturais como arquitetura, jardinagem e música, bem como um estilo de vida luxuoso, são “um esforço para alcançar o vento”, porque essas coisas não tornam a vida mais significativa nem trazem felicidade permanente.

********************************************************************

ECLESIASTES 2:12-16. A sabedoria tem vantagem sobre a estultícia, ou tolice, no sentido de que ela pode ajudar a resolver alguns problemas.No que diz respeito à morte, porém, a sabedoria humana não tem nenhuma vantagem. E mesmo que uma pessoa tenha ficado famosa por ter esse tipo de sabedoria, ela logo cai no esquecimento.

********************************************************************

ECLESIASTES 2:24; 3:12, 13, 22. Não é errado sentir prazer com os frutos de nosso trabalho.

********************************************************************

ECLESIASTES 2:26. A sabedoria piedosa, que resulta em alegria, é dada ao ‘homem que é bom diante de Jeová’. É impossível obter essa sabedoria sem ter uma boa relação com Jeová Deus.

********************************************************************

ECLESIASTES 3:16, 17. Não é realístico esperar justiça em todos os casos. Em vez de ficarmos preocupados com o que está acontecendo no mundo hoje, devemos esperar que Jeová corrija as coisas.

********************************************************************

ECLESIASTES 4:4. O trabalho árduo, bem feito, pode trazer satisfação. No entanto, trabalhar duro simplesmente para se destacar sobre os outros gera competição e pode causar sentimentos de inimizade e inveja. Nosso trabalho árduo no ministério cristão deve ter como base a motivação correta.

********************************************************************

ECLESIASTES 4:7-12. Relacionamentos humanos são mais importantes que bens materiais e não devem ser sacrificados na busca de riquezas.

********************************************************************

ECLESIASTES 4:15, 16. O “filho que é o segundo” — o sucessor do rei — talvez tenha de início o apoio de ‘todos diante dele’, mas ‘depois as pessoas não se alegram com ele’. De fato, a popularidade geralmente é passageira.

********************************************************************

ECLESIASTES 5:3-7. A preocupação excessiva com coisas materiais pode fazer a pessoa sonhar acordada com interesses egoístas. Também pode deixá-la com a mente agitada e distraída à noite, impedindo-a de ter um bom sono. Falar demais pode fazer a pessoa parecer tola aos olhos de outros e levá-la a fazer um voto irrefletido a Deus. ‘Temer o verdadeiro Deus’ nos impede de fazer qualquer dessas coisas.

********************************************************************

ECLESIASTES 6:1-9. De que benefício são as riquezas, a fama, uma vida longa e até mesmo uma grande família se as circunstâncias nos impedirem de desfrutar essas coisas? Além disso, “melhor é a vista dos olhos”, ou enfrentar a realidade, do que “as perambulações da alma [“desejo de alma; almejo”, nota]”, ou seja, esforçar-se para satisfazer desejos impossíveis de ser realizados. Então, a melhor maneira de viver é estarmos contentes com ‘o sustento e com o que nos cobrir’, à medida que aproveitamos as coisas boas da vida e nos concentramos em manter uma relação achegada com Jeová. — 1 Timóteo 6:8.

********************************************************************

Salomão examinou bem a fundo ‘a ocupação dos filhos da humanidade’ em ECLESIASTES 1:13 que diz:  “Empenhei-me em estudar e investigar com sabedoria tudo o que se faz debaixo dos céus.” Com “ocupação”, Salomão não necessariamente se referiu a um trabalho ou emprego, mas antes a tudo aquilo em que homens e mulheres se ocupam durante a vida. Temos que Considerarmos algumas das preocupações ou ocupações principais, e compará-las então com nossas próprias atividades e prioridades.

********************************************************************

Por exemplo, reflita nas suas palavras encontradas em ECLESIASTES1:15, 18. Você sabe que os homens, no decorrer dos séculos, têm experimentado diversas formas de governo, às vezes tentando sinceramente resolver problemas e melhorar a sorte do povo. No entanto, conseguiu algum governo endireitar todas as coisas ‘tortas’ deste sistema imperfeito? E talvez você tenha notado que, quanto maior o conhecimento de alguém, tanto mais ele se dá conta de que, na curta duração da vida, é impossível corrigir plenamente as coisas. Darem-se conta disso causa frustração a muitos, mas não necessariamente a nós.

********************************************************************

ECLESIASTES 1:13-18 A desordem, a perversão e as deficiências existentes na imperfeita sociedade humana estão tanto além da capacidade humana de endireitá-las ou compensá-las, que aqueles que têm “abundância de sabedoria” sentem-se cada vez mais frustrados e irritados, porque estão vivamente cônscios de quão pouco podem fazer pessoalmente para melhorar a situação. Conclui-se que tudo é vão, é correr atrás do vento.

********************************************************************

Às vezes, Salomão em ECLESIASTES 1:14; 2:11 usa a palavra “vaidade” como equivalente a “esforço para alcançar o vento”. É óbvio que qualquer esforço para alcançar o vento é inútil. Quem quer que tente fazer isso acabará não alcançando nada. Buscar alvos insensatos será igualmente frustrante. A vida neste sistema é curta demais para desperdiçá-la em empenhos que nos deixem de mãos vazias.

********************************************************************

Em ECLESIASTES 3:2 Salomão diz: que há “tempo para plantar e tempo para desarraigar o que se plantou”. Os agricultores sabem que para toda plantação há uma época certa. Que dizer se o agricultor desconsiderar esse fato simples e plantar algo na época ou estação errada? Será que deve culpar o destino se não conseguir uma boa safra, embora tenha trabalhado duro nela? Claro que não! Ele simplesmente não plantou na época certa. O agricultor poderia ter sido bem-sucedido se tivesse seguido a ordem natural das coisas, estabelecida pelo Criador.

********************************************************************

 A Palavra de Deus diz que há “tempo para rir . . . e tempo para saltitar” em ECLESIASTES 3:4 Como a palavra hebraica para “rir” também pode ser traduzida por “festejar”, fica claro que, no que diz respeito ao nosso Criador, não há nada de errado em divertir-se de forma sadia. Aliás, a Palavra de Deus manda que nos alegremos. (Eclesiastes 3:22; 9:7) De modo que a Bíblia fala com aprovação do divertimento correto.

********************************************************************

Se você for pai, ou mãe, cuide de que a comunicação esteja aberta pelo menos de sua parte. Pode não ser fácil. A Bíblia diz que há “tempo para ficar quieto e tempo para falar” em ECLESIASTES 3:7. Quando seu filho adolescente acha que é hora de falar, talvez para você seja hora de ficar quieto. Talvez você tenha reservado aquele momento para estudo pessoal, descontração ou algum serviço na casa. Mesmo assim, se o jovem deseja falar-lhe, tente ajustar seus planos e escute. Senão, ele talvez não volte a tentar. Lembre-se do exemplo de Jesus. Certa ocasião, ele havia programado tempo para descansar. Mas, quando as pessoas começaram a aglomerar-se para ouvi-lo, ele adiou o descanso e passou a ensiná-las. (Marcos 6:30-34) A maioria dos adolescentes sabe que a vida dos pais é atarefada, mas eles precisam da garantia de que seus pais os atenderão quando for necessário. Assim, coloque-se à disposição e seja compreensivo.

********************************************************************

Depois de mencionar muitas coisas que parecem ter “um tempo determinado”, Salomão escreveu em ECLESIASTES 3:10, 11 “Vi a ocupação que Deus deu aos filhos da humanidade para se ocuparem nela. Tudo ele fez bonito no seu tempo.”  Deus deu à humanidade muitas ocupações, ou coisas para fazer, e Salomão alistou várias delas.Deus também nos deu a liberdade de escolher o que desejamos fazer. No entanto, para toda tarefa há um tempo certo, ou favorável, que produz o melhor resultado.

********************************************************************

O MODO DE DEUS AGIR: A Bíblia em ECLESIASTES 3:11 ensina que o homem “nunca compreenderá plenamente o trabalho do verdadeiro Deus”. Por isso, nunca saberemos tudo sobre Deus. A sabedoria por trás de como ele age não pode ser totalmente compreendida. Mas Deus está disposto a explicar seu modo de agir aos que querem agradá-lo. Como isso pode me ajudar? Se eu ler e estudar a Bíblia, sempre aprenderei coisas novas sobre Deus e como ele age. Isso significa que podemos nos achegar cada vez mais ao nosso Pai celestial, por toda a eternidade.

********************************************************************

Nem mesmo a vida eterna será suficiente para aprender tudo sobre Jeová. ECLESIASTES 3:11 diz que Jeová pois eternidade no coração da humanidade. Pense, então, no que nos aguarda. Depois de viver por centenas, milhares, milhões ou até bilhões de anos, saberemos muito mais sobre Jeová Deus do que sabemos hoje. Mas ainda haverá incontáveis outras coisas maravilhosas para aprendermos. Ficaremos ansiosos de aprender mais, pois sempre teremos razões para nos sentir como o salmista, que cantou: “Chegar-me a Deus é bom para mim.” (Salmo 73:28) A vida eterna será inimaginavelmente significativa e variada — e a parte mais recompensadora dela sempre será achegar-nos mais a Jeová.

********************************************************************

“A natureza”, escreveu certo cientista, “sempre terá originalidade, abundância e beleza inesgotáveis”. A Bíblia diz em ECLESIASTES 3:11‘Tudo Deus fez bonito no seu tempo. Pôs até mesmo tempo indefinido no coração dos homens, para que a humanidade nunca descobrisse o trabalho que o Deus verdadeiro tem feito do começo ao fim. ’ Imagine o que nós poderemos fazer e descobrir com vida e boa saúde sem fim!

********************************************************************

 Abraão morreu “idoso e satisfeito”, mas enquanto o ser humano tiver de morrer, a vida será curta demais. Por mais idosos que fiquemos, temos o desejo inato de viver. Isso se dá porque “[Deus] também pôs a eternidade no coração do homem, sem que este possa descobrir as obras que Deus fez desde o princípio até o fim” conforme dizECLESIASTES 3:11. Mesmo vivendo eternamente, jamais conseguiremos compreender todas as criações de Jeová. São infindáveis as obras maravilhosas de Jeová que poderemos observar estudar e usufruir. Salmo 19:1-4; 104:24; 139:14.

********************************************************************

 De todas as criaturas da terra, só o homem reflete no objetivo da vida. Sabe por quê? A Bíblia dá um motivo em ECLESIASTES 3:11. Com relação ao Criador, esse versículo diz: “Ele deu aos homens o senso de tempo, passado e futuro.” (The New English Bible) Embora todos os seres vivos tendam a apegar-se à vida, parece que o homem é o único que tem noção de tempo —passado, presente e futuro. O homem pode refletir no passado e contemplar o futuro, fazendo planos e até desejando a todo custo tomar parte nisso. E pode ficar frustrado quando não consegue realizar seus sonhos em virtude da natureza transitória de sua curta existência.

********************************************************************

A morte humana não difere da morte dos animais. Eles também são almas, e o mesmo espírito, ou força de vida, os energiza. (Gênesis 1:24) Em ECLESIASTES 3:19, 20, o sábio Salomão nos diz: “Como morre um, assim morre o outro; e todos eles têm apenas um só espírito, de modo que [na morte] não há nenhuma superioridade do homem sobre o animal . . . Todos eles vieram a ser do pó e todos eles retornam ao pó.”O homem é superior aos animais no sentido de que foi criado à imagem de Deus, refletindo as qualidades de Jeová. (Gênesis 1:26, 27) Todavia, na morte, tanto humanos como animais retornam ao pó.

********************************************************************

Com boas razões, Salomão recomendou ter equilíbrio em ECLESIASTES4:6 que diz: “Melhor é um punhado de descanso do que um punhado duplo de trabalho árduo e um esforço para alcançar o vento.” A pessoa deve “ver o que é bom por causa do seu trabalho árduo”, ou seja, periodicamente deve tirar tempo para usufruir o que adquiriu. (Eclesiastes 2:24) E a vida não deve se resumir ao trabalho. Nossa família também merece que lhe dediquemos parte de nosso tempo. Salomão frisou que nossa obrigação principal não é o trabalho, mas servir a Deus. (Eclesiastes 12:13) E você, tem um conceito equilibrado sobre o trabalho?

********************************************************************

ECLESIASTES 4:9-12 diz: “Também, alguém pode vencer a um que está só, mas dois juntos podem resistir ao agressor. E um cordão tríplice não pode ser facilmente rompido.” — Esse texto se aplica em especial ao valor da amizade nos relacionamentos. O casamento, naturalmente, é o mais íntimo dos relacionamentos. Conforme o texto mostra, tal união pode proporcionar ajuda, consolo e proteção. O casamento será ainda mais forte se for mais do que um laço entre apenas duas pessoas. Conforme o versículo citado dá a entender, um cordão duplo pode ser rompido. Mas seria muito mais difícil romper um cordão de três fios. Quando a preocupação principal tanto do marido como da esposa é agradar a Jeová, o casamento é comparável a esse cordão tríplice. Jeová torna-se assim uma parte importante do casamento, resultando numa união realmente forte.

********************************************************************

As amizades mais sólidas se baseiam no amor a Jeová. O Rei Salomão escreveu em ECLESIASTES 4:12 “Se alguém levar de vencida a um que está só, dois juntos poderiam manter-se de pé contra ele. E um cordão tríplice não pode ser prontamente rompido em dois.” Se numa amizade Jeová for o terceiro “cordão”, essa amizade perdurará.

********************************************************************

Como a idéia de “um cordão tríplice” em ECLESIASTES 4:12 pode se aplicar ao casamento? “Cordão tríplice” é uma expressão figurativa. Aplicada ao casamento, ela inclui o marido e a esposa, ou seja, dois fios entrelaçados com o fio central, Deus. Essa união com Deus dá ao casal a força espiritual para lidar com problemas e alcançar a felicidade

********************************************************************

“O mero amante da prata não se fartará de prata, nem o amante da opulência, da renda.” Diz ECLESIASTES 5:10 O autor dessas palavras não era alguém pobre e invejoso. Era um dos homens mais ricos que já viveram, o Rei Salomão de Israel. Ele as escreveu baseado em sua própria experiência e observação. Homens ricos dos nossos dias já fizeram comentários similares.

********************************************************************

O sábio disse há muito em ECLESIASTES 5:12 “A fartura do rico não o deixa dormir.” Em outras palavras, os que têm muitas coisas podem ficar com tanto receio de perdê-las, que perdem o sono de preocupação. Assim, uma maneira de reduzir não apenas a ansiedade, mas também a ameaça de assaltos é evitar o acúmulo de uma grande quantidade de coisas caras.

********************************************************************

Quando se preocupa ao extremo com a possível perda da riqueza, a pessoa talvez não perca só o sono. Descrevendo o avarento, Salomão escreve em ECLESIASTES 5:17 “Todos os seus dias ele come na própria escuridão, com muito vexame, com doença da sua parte e com causa para indignação.” Em vez de derivar felicidade da sua riqueza, ele come ‘com vexame’, como se reclamasse até de ter de gastar dinheiro para comprar o alimento. Esse estado mental doentio pode contribuir para uma saúde ruim. Por sua vez, a saúde ruim aumenta a ansiedade do avarento, pois o impede de conseguir ainda mais riquezas. 

Anúncios

Um comentário sobre “ENCONTRE JÓIAS ESPIRITUAIS – DESTAQUES DE ECLESIASTES 1-6 DA SEMANA DE 14 A 20 DE NOVEMBRO 2016

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s